Quem são os vikings?

Também chamados de nórdicos, eles habitaram na Europa até o século XII.

No auge entre os séculos VIII e XI, os vikings são uma antiga civilização com origem da região da Escandinávia, onde atualmente estão localizados três países: Suécia, Dinamarca e Noruega. Eles se desenvolveram graças a atividades como agricultura, artesanato, comércio marítimo e também a pirataria.

Conhecidos também como nórdicos, eles formaram uma rica cultura, que influenciou a história e a cultura de toda a Europa. Também saquearam e conquistaram terras, como a região onde hoje é o Reino Unido. Eles possuíam um poderoso exército, o que explica suas conquistas. Eles eram liderados por um rei, seguido dos condes e chefes tribais.

O modo de vida do povo viking era bastante simples. Eles viviam em clãs, como tribos, formadas por grupos familiares. Suas moradias eram construídas de pedras, madeiras e relva seca, divididas, na maioria das vezes, em apenas um cômodo.

Por viverem em áreas de baixa temperatura, eles se vestiam com tecidos grossos, couros e peles de animais, para manterem o corpo aquecido. Como enfeite, eles gostavam de usar acessórios feitos de pedras e de metal. Muitos deles usavam um adorno que se tornou um dos símbolos dos vikings: um chapéu com dois chifres.

Foto: Reprodução Internetvikings
 

O modo de vida dos vikings possuía traços patriarcais, sendo o homem o responsável pela defesa da família e pelo trabalho, enquanto a mulher cuidava das atividades domésticas. A educação dos filhos era responsabilidade de ambos, e o ensino das tradições e costumes vikings também. Porém, as mulheres possuíam total liberdade, podendo ser proprietárias de terras, negociar com mercadores e realizar atividades destinadas para os homens.

Os vikings tinham ainda uma rica mitologia, com vários deuses, que eram adorados em eventos coletivos. Thor era o mais popular entre os deuses e considerado o protetor dos vikings.

Ao longo dos anos, com o processo de cristianização da Europa, os vikings foram se convertendo e sua população diminuindo. O fim dos povos vikings aconteceu entre os séculos XI e XII, restando após esse período somente algumas manifestações dessa cultura em território europeu.

Apesar da fama de terem sido um povo cruel, os vikings não foram mais cruéis que outros povos que lutavam por terras. A diferença é que, por serem pagãos, eles não deixavam de atacar igrejas e monastérios, como os demais povos faziam.   

Foto: Reprodução Internetvikings

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais