Por que o luto é representado pela cor preta?

Em alguns países e culturas, o luto é representado através de outras cores. Confira!

Usar preto durante um período de luto é uma tradição antiga que permanece até hoje, mas que era comum há alguns anos atrás. Ir aos velórios usando roupas coloridas era considerado, por muitas pessoas, um erro grave. Como vivemos em um mundo cada vez mais moderno, esse hábito está sendo deixado de lado e não é mais tão importante quanto a dor da perda, porém ainda existe! Mas afinal, por que o preto é a cor do luto?

A cor preta é usada para representar o luto principalmente na cultura ocidental. Esse hábito surgiu com os antigos egípcios e a escolha do preto é por ele lembrar a ausência da pessoa, o vazio, a falta de luz. Depois do Egito, essa tradição foi passada para os romanos e, posteriormente, adotada pela Igreja Católica.

Porém, não é somente o preto que é utilizado para representar o luto. Em algumas culturas orientais, faz-se uso da cor oposta: o branco. Nelas, a cor tem a intenção de remeter ao silêncio, a leveza e a paz que a “vida após a morte” traria para o ente falecido. Na França, os reis tinham o costume de usar um véu branco durante todo o período de luto.

Além dos populares preto e branco, em alguns países ainda são adotadas outras cores para representar o luto: Na África do Sul e entre povos ciganos, o vermelho é utilizado. Atualmente, no Egito, é a cor amarela. Na Tailândia e Irã, as cores utilizadas são roxo e azul, respectivamente.

Apesar dessa tradição não ter mais a importância que tinha antigamente, muitas pessoas e culturas ainda a levam muito a sério. Por muitas vezes, indivíduos que eram muito próximos do falecido usam roupas que representam o luto não somente no dia do enterro, mas por vários dias.

O que é o luto?

Que o luto é um período de tristeza após a perda de um parente ou amigo querido, isso a maioria das pessoas já sabe. Mas, o que exatamente acontece durante esse tempo e quanto tempo ele dura?

A principal característica do período de luto é que a pessoa sinta uma tristeza muito grande. Esse sentimento normalmente vem acompanhado de choro e muitas lembranças, sejam elas boas ou ruins. Para muitas pessoas, enfrentar o tempo de luto ainda ocasiona em outros sentimentos, como raiva, solidão, agitação, fadiga, ansiedade, hostilidade e até mesmo faz com que se viva um “estado de choque”.

Por ser uma “fase complexa”, uma pessoa de luto precisa observar o tempo em que esses sentimentos estão durante. Quando eles permanecem por mais de seis meses, o luto passa a ser considerado patológico e é recomendado buscar ajuda de um psicólogo, para que a pessoa aprenda a lidar da melhor forma possível com a ausência de quem faleceu.

Pelo fato dos seres humanos serem diferentes um do outro, nem todos conseguem lidar da mesma forma com a perda de um parente ou amigo. Por isso, o tempo de luto é variável e indeterminado, podendo durar alguns dias, semanas ou meses.

Aprenda também: Por que temos vontade de esmagar animais e bebês fofos?

Confira também: Por que as nuvens possuem formatos diferentes?

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais