Por que as pessoas podem morrer do coração assistindo jogo de futebol?

Uma pesquisa feita através dos registros do SUS apontou que o número de infartos aumenta até 8% durante a Copa do Mundo.

O futebol é o esporte favorito da grande maioria dos brasileiros, além de estar entre um dos mais populares do mundo. E, muitas dessas pessoas, levam os jogos do time do coração muito a sério, não perdendo nenhuma partida e sentindo as mais diversas emoções durante ela. Porém, é preciso ter cuidado, pois muitos casos onde torcedores morreram por problemas no coração enquanto assistiam ao futebol.

Um grupo de pesquisadores fez um estudo usando os números do SUS (Sistema Único de Saúde). Após análises, foi possível constatar que, durante os jogos da Copa do Mundo, o número de brasileiros que sofrem infarto aumenta de 4% a 8%.

Outro estudo também foi feito em Munique, durante a Copa do Mundo da Alemanha, em 2006, e mostrou que o número de emergências causadas por problemas cardiovasculares aumentaram 3,26 vezes nos homens e 1,82 vezes entre as mulheres. A pesquisa concluiu que as partidas mais decisivas podem duplicar o risco de problemas no coração.

Isso acontece porque, durante uma partida de futebol, uma grande descarga de adrenalina acontece no corpo. Essa adrenalina é responsável por aumentar a frequência cardíaca, a pressão arterial e também a força de contração do músculo cardíaco. Além disso, essas situações podem gerar grande estresse, que possivelmente, podem desencadear um processo inflamatório no interior das artérias.

Porém, a boa notícia é que esse tipo de problema durante uma partida de futebol só costuma acontecer em pessoas que já possuem problemas cardíacos. O esporte em si, não pode causar emoções a ponto de que uma pessoa completamente saudável tenha um infarto.

Por isso, os médicos recomendam que, da mesma forma que as pessoas fazem exames prévios antes de começarem a praticar uma atividade esportiva, os torcedores fanáticos também lembrem de verificar como está a saúde do coração antes de uma grande final, por exemplo.

Além disso, hábitos de vida saudáveis podem ajudar a proteger o coração. Evitar comidas gordurosas e muito salgadas deve ser uma rotina na vida de pessoas com problemas cardíacos, assim como praticar alguma atividade física.

Durante o jogo, os médicos também fazem outras recomendações:

- Prefira petiscos saudáveis ao invés de frituras;
- Evite ingerir bebidas alcoólicas;
- Não se exponha ao sol;
- Evite fumar;
- Se o torcedor possuir algum problema relacionado ao coração, deve assistir ao jogo em um ambiente tranquilo.

Para saber quando um médico deve ser procurado, o torcedor deve ficar atento aos seguintes sintomas: falta de ar, dor no peito, palpitação, formigamento, suor excessivo, náuseas, tontura forte ou sensação de coração disparando.

Foto: Pixabaytorcedor

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais