Pessoas sarcásticas possuem uma mente três vezes mais inteligente

Você é uma pessoa sarcástica? Se a resposta for sim, saiba que isso pode significar uma coisa boa.

Se você abusa do sarcasmo isso pode ser um sinal de que sua mente está à frente das demais pessoas. Conforme estudiosos franceses, o uso de sarcasmo é um estimulante para a criatividade e ainda impulsiona a mente na resolução de problemas intelectuais.  

A pesquisa da escola francesa Insead, uma das especialistas do ramo, mostrou que as pessoas sarcásticas são três vezes mais inteligentes e criativas do que aquelas que fazem comentários diretos e sinceros.

O estudo publicado no Organizational Behavior and Human Decision Processes, revelou que o uso do sarcasmo é saudável porque fazer e entender comentários sarcásticos faz com que o cérebro procure por pensamentos abstratos e subjetivos, consequentemente a criatividade aumentará.

Para o psicólogo Shaman-Tsoory,da Universidade de Haifa, a facilidade de compreender o estado de espírito e emoções de outras pessoas está diretamente relacionada a habilidade de entender o sarcasmo. Assim elas conseguem ler a mente e interpretar mensagens subliminares em diversas situações.

Se você convive com alguém sarcástico é muito provável que sofrerá influência devido ao modo de comunicação dele. Para a percepção da ironia o nosso cérebro passa por três fases, ou seja, o cérebro é constantemente estimulado. 

Os sarcásticos dificilmente perdem uma discussão, pois a grande a habilidade de conhecer os sentimentos alheios faz com que a pessoa sarcástica tenha grandes vantagens.  Mas em muitos comentários o sarcasmo vem com uma dose de humor e garantirá boas risadas.  

Quem é de fato sarcástico só têm amigos que realmente o amam de verdade, pois só os amigos conseguem lidar com o modo peculiar de comunicação sem perder as estribeiras.  

Como diz o belo ditado “O sarcasmo é a mais baixa forma de perspicácia, mas a mais alta forma de inteligência”. Pois ao mesmo tempo em que é um insulto não deixa de ser inteligente.  

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais