Os benefícios e os riscos da dieta vegana

O veganismo vem ganhando adeptos a cada dia. Até que ponto ele é saudável? Conheça os prós e contras desse estilo de alimentação.

Benefícios e riscos da dieta vegana

A cada dia que passa mais e mais pessoas aderem ao conceito da alimentação vegana. A alimentação vegana é aquela onde a pessoa não consume alimentos de origem animal, como a carne, leite, ovos, mel, e tudo que possa ter vindo de animais. Alguns aderem a essa alimentação pela saúde, outros com motivos de dieta para emagrecer e outros devido à preocupação ambiental. Para que essa dieta não cause problemas, é necessário que seus adeptos tenham acompanhamento nutricional, para garantir que todas as vitaminas derivadas de alimentos de origem animal estão sendo repostos no organismo através de outras comidas.

Benefícios

Listaremos agora alguns benefícios da dieta vegana. Além dos benefícios citados, devemos falar que a alimentação vegana contribui para a ingestão de diversas vitaminas que só encontramos nas frutas e legumes.

  1. Reduz o risco de desenvolver doenças degenerativas crônicas (obesidade, hipertensão e diabetes tipo 2) e evita a intoxicação alimentar, como por exemplo, a salmonela;
  2. Previne diversos tipos de câncer, como o de cólon, de mama, próstata, de estômago, pulmão e esôfago;
  3. Ajuda a reduzir a obesidade e ajuda a manter a forma, facilitando o emagrecimento, aumentando a expectativa de vida e melhorando a disposição;
  4. Previne o consumo de toxinas e melhora a imunidade do organismo, desintoxica o corpo, diminuindo as gorduras saturadas;
  5. Reduz os sintomas da TPM nas mulheres.
Foto: Reprodução InternetPrato vegano
Os pratos veganos não contém nenhum alimento derivado de animais.

Riscos

Apesar de ter muitos benefícios, a dieta pode ser prejudicial, na maioria das vezes pela falta de nutrientes encontrados em produtos de origem animal e não são substituídos.

  1. Falta de vitamina B-12, que é encontrada somente em produtos animais e é a responsável pelo desenvolvimento dos glóbulos vermelhos saudáveis;
  2. Dificuldade em ingerir ferro na quantidade certa. O ferro é responsável pelo funcionamento correto dos glóbulos vermelhos e ajuda na energia;
  3. O cálcio também é encontrado em grandes quantidades em alimentos de origem animal e é importante para os ossos e dentes;
  4. Diminui a quantidade de Ômega-3 ingerida, que é necessária para promover os tecidos de maneira saudável, para manter a saúde vascular e desenvolver o cérebro;
  5. Pode causar falta de proteínas, que tem a função de construir e manter os músculos, os órgãos, a pele e os ossos saudáveis.

Agora que você já conhece os prós e contras, e ainda assim aderir a esse tipo de dieta, fique atento aos riscos, procure um nutricionista e reponha sempre as vitaminas que o corpo precisa e se torne um vegano super saudável.

Foto: Reprodução InternetPrato vegano

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais