O que é o Muro das Lamentações?

Saiba o que é esse local e o motivo de ele ser tão importante para os judeus.

O Muro das Lamentações é um dos locais mais sagrados para os judeus. Muitos turistas e principalmente fiéis visitam o local para orar e também fazer pedidos escritos, que são colocados entre as fendas do muro, tradição bastante antiga, que segue viva muitos séculos depois de criada.

Ele é a única parte do segundo templo judaico que se manteve em pé após sua destruição e também é conhecido como Muro Ocidental.  Esse templo havia sido construído depois da destruição do Templo de Salomão. O muro fazia parte de uma das paredes do edifício principal.

Foto: Reprodução internetMuro das Lamentações

O primeiro templo foi erguido durante o século X a.C e foi derrubado por povos da Babilônia no ano de 586 a.C.  O segundo templo foi construído por Zorobabel e reformado por Herodes em 20 a.C., mas em 70 d. C. ele foi destruído pelo Império Romano, liderado pelo general Tito. Cada templo ficou em pé por cerca de 400 anos.

Enquanto Roma dominava Jerusalém, os judeus eram proibidos de entrar na cidade. Durante o Império Bizantino, o povo judeu recebeu autorização para visitar o local uma vez por ano, no aniversário da destruição do muro. Nessa data, os judeus lamentavam a destruição do muro e a dispersão do povo judeu.

Como uma forma de lembrar os judeus da derrota que sofreram para a Roma, Tito não destruiu o muro, como um símbolo de sua vitória sobre a Judeia. Porém, para os judeus, o muro representa uma promessa de Deus: uma parte do templo sempre ficaria de pé como forma de lembrar a aliança de Deus com o povo judeu.

O muro fica localizado na área ocidental de Jerusalém, no Monte Moriá, local onde Deus firmou aliança com Abraão.

Ainda hoje, os judeus visitam o lugar no dia de descanso judaico, o Shabbat, para orar e lerem o Torah, livro sagrado da religião. Nesse dia, somente os judeus são permitidos no local. Os homens e mulheres devem se vestir de maneira adequada: homens usando o quipá e mulheres cobrindo joelhos e cotovelos. O local onde acontecem as orações é dividido. Mulheres ficam de um lado e homens do outro.

Foto: Reprodução internetMuro das Lamentações

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais