O que é o lúpulo e por que ele é usado na cerveja?

Ele é um dos principais ingredientes da cerveja e, além disso, é utilizado na medicina.

Quando pensamos em cerveja, o primeiro ingrediente que lembramos é a cevada. Porém, nem só de cevada se faz uma boa cerveja. Outro ingrediente é muito importante para a fabricação da mesma: o lúpulo.

O lúpulo é uma planta trepadeira, com origem europeia e que possui diversas propriedades medicinais. Além disso, seu broto pode ser comido como um aspargo e a planta utilizada na fabricação de papel e corda. Seu nome vem da palavra “hoppan”, que significa “escalar”, fazendo referência a sua forma de crescimento. Ela pertence a família das Canabidácea e ao gênero cannabis, o mesmo da maconha. A planta pode chegar aos 2 metros de altura e se desenvolve facilmente em locais ricos em húmus.

Na medicina, ele é usado como anafrodisíaco, anódino, laxante, relaxante muscular, sedativo, antibacteriano, diurético, anti-séptico, hipnótico, febrífugo, etc. Quando colocado em sachês dentro do travesseiro, ele ajuda no sono. Também pode ser usado em forma de pomada, para aliviar tosses, como shampoo para caspas e até mesmo como erva para banhos relaxantes.

Foto: Reprodução InternetLupulo
 

Porém, seu principal uso é na fabricação de cerveja. Cerca de 98% do lúpulo cultivado no planeta é utilizado para a produção da bebida. Ele é o responsável por dar amargor e aroma à bebida. Ele libera as resinas que criam essas características da cerveja por causa do calor do cozimento. Apesar de seu parentesco com a maconha, o lúpulo não possui efeito entorpecente.

Ele também é um conservante natural, por isso foi acrescentado na receita da cerveja, na Índia Pale Ale, para que ela continuasse fresca durante seu transporte. Estima-se que seu uso nessa bebida foi implementado em períodos anteriores a 1.000 a.C.

Os principais países a cultivarem a planta são o Reino Unido, EUA, Bélgica, Alemanha, China, Austrália, República Tcheca, Polônia, Rússia e Nova Zelândia, sendo esse último um país referência na produção de lúpulo orgânico. Anualmente, a produção mundial de lúpulo pode ultrapassar 100 mil toneladas.

Foto: Reprodução InternetLupulo

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais