O que é a intervenção militar?

Nos últimos dias, com a greve dos caminhoneiros, um assunto bem polêmico tem sido comentado. Em muitos caminhões, o pedido de intervenção militar tem sido destacado.

Nos últimos dias, com a greve dos caminhoneiros, um assunto bem polêmico tem sido comentado. Em muitos caminhões, o pedido de intervenção militar tem sido destacado. Mas, do que exatamente se trata esse tipo de intervenção? É isso que o Dr. Curioso irá explicar hoje!

De maneira resumida, a intervenção militar nada mais é do que usar as Forças Armadas (Exército, Marinha e Aeronáutica) de um país para controlar uma situação cujo os responsáveis por ela não conseguem mais controlar.

Quando falamos de intervenção militar no âmbito internacional, ela se configura pelas Forças Armadas serem enviadas para um terceiro país, com o objetivo de controlar, de maneira temporária, os interesses da nação. Situações onde essa intervenção é usada é quando, por exemplo: determinada nação sofre com guerras civis intensas; quando a nação sofre com a falta de comando que garanta a segurança da população; ou ainda quando o governo negligencia de maneira evidente a segurança e os princípios básicos de sobrevivência da população.

Existe ainda a intervenção militar como forma de controlar os poderes de um país (Judiciário, Legislativo e Executivo). Porém, esse tipo de intervenção, no Brasil, é inconstitucional e considerado um golpe de Estado, pois visa derrubar, de maneira ilegítima, alguém que foi escolhido pelo povo através do voto legítimo.

Apesar de ser algo ilegal e que remeta a ditadura, a intervenção militar tem sido clamada por muitos brasileiros em algumas manifestações. Antes mesmo dessa greve dos caminhoneiros, que tem acontecido desde o dia 21 de maio de 2018, nas grandes manifestações contra o governo, realizadas em 2014 e 2015, muitos brasileiros já pediam esse tipo de intervenção.

Foto: Laís Benner/Dr. CuriosoIntervenção Militar

IMPORTANTE!

O Dr. Curioso não é a favor e nem contra a intervenção militar, independente da situação, não cabe a nós convencermos ninguém, visto que nossos leitores possuem alta capacidade de formarem opinião próprias sobre todos os assuntos aqui expostos. O papel do nosso site não é defender nenhum dos lados, independente do assunto, seja ele política, esportes e etc. Nós apenas explicamos o que é determinado assunto, como ele acontece, entre outras muitas formas de curiosidade.

Se você quiser opiniões sobre a intervenção militar ser boa ou ruim, nossa sugestão é: converse com pessoas que viveram durante o período em que o Brasil era comandado pelos militares.

Confira também: Qual a diferença entre os poderes Legislativo, Executivo e Judiciário?

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais