Em que país a pipa foi usada pela primeira vez?

A pipa também é conhecida por outros nomes, como papagaio, cafifa, pandorga ou arraia.

A pipa era um dos brinquedos mais populares até algum tempo atrás. Ela ainda faz muito sucesso, mas com a tecnologia existente hoje em dia, sua fama tem diminuído. Felizmente, para algumas crianças e até adultos ela ainda é um dos passatempo favoritos. Esse objeto também é conhecido por outros nomes, como papagaio, cafifa, pandorga ou arraia.

A primeira vez que se tem registro do uso da pipa foi na China, por volta de 1200 a.C., porém, ela possuía outra utilidade: era usada como sinalizador militar. As cores e os movimentos feitos com o objeto serviam para transmitir mensagens à distância entre grupos de militares que estavam em diferentes pontos.

Posteriormente, elas passaram a ser usadas durante festividades, pois acreditava-se que elas atraiam prosperidade.

No ocidente, a primeira pessoa a ter conhecimento da pipa foi o explorador e mercador Marco Polo (1254-1324). Em 1496, Leonardo Da Vinci usou o objeto como base para seus estudos, com a finalidade de construir máquinas voadoras (o que se repetiu mais tarde, com Santos Dumont e o 14 Bis).

Em um passado menos distante, mais precisamente em 1752, o político e inventor Benjamin Franklin usou-se do brinquedo para investigar e inventar o para-raios. Ele amarrou uma chave metálica na pipa e a soltou durante uma tempestade, com o objetivo de comprovar que o metal atraia os raios.

Além de ser um brinquedo barato, as pipas podem ser feitas em casa. Usando papel, duas varetas e uma linha de pipa, não é difícil construir o brinquedo. O papel também pode ser substituído por plástico, até mesmo por uma sacola! Veja abaixo um vídeo de como fazer suas próprias pipas:

ATENÇÃO!

Apesar da pipa ser um brinquedo “descomplicado”, é preciso tomar alguns cuidados, por medidas de segurança. O primeiro deles é nunca passar cerol na linha. A mistura de cola e vidro moída é muito usada para cortar “pipas rivais”, mas o material pode colocar em risco a vida de outras pessoas e já causou muitos acidentes graves, principalmente com motociclistas.

Também deve-se evitar soltar pipa durante dias nublados e de chuva, principalmente quando houver relâmpagos.

O brinquedo ainda deve ser utilizado somente longe de antenas, fios telefônicos e rede elétrica. O ideal é procurar áreas abertas, como praças e campos de futebol. Se uma pipa ficar presa em um fio que tenha eletricidade, nunca tente pegá-la.

Foto: Reprodução InternetPipa

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais