Combate ao Colesterol: alimentos para quem tem índices altos

O colesterol é um tipo de gordura, que quando existe em excesso em nosso organismo, pode acarretar em graves problemas de saúde.
Foto: Reprodução Internetcombate ao colesterol

Hoje, dia 08 de agosto, é considerado o Dia Nacional do Combate ao Colesterol. O colesterol é um tipo de gordura, que quando existe em excesso em nosso organismo, pode acarretar em graves problemas de saúde.

Veja abaixo alguns alimentos que podem ser trocados ou substituídos, ajudando assim no combate ao colesterol alto.

Leite integral pelo desnatado

O leite é um alimento com grande quantidade de gordura, mas que tem importância em nossa alimentação devido ao cálcio que ele possui. Para quem tem problema com o colesterol, uma boa saída é substituir o leite integral pelo desnatado, assim evita que nosso organismo receba gordura, mas não o impede de ingerir cálcio.

Salgadinhos e biscoitos por castanhas e nozes

Sabe aquela fome que acontece no meio da manhã ou no meio da tarde, e matamos ela com um biscoitinho, um salgadinho? Substituir esses alimentos por castanha ou nozes faz com que, ao invés de ingerirmos gorduras saturadas, vamos estar introduzindo em nosso organismo apenas as monoinsaturadas, que ajudam na diminuição do colesterol LDL.

Camarão por salmão

Apesar de no Brasil não termos uma cultura de frutos do mar em nossa mesa com frequência, esse alimento é muito consumido quando frequentamos regiões litorâneas. Mas cuidado! Apesar de ser uma delícia, o camarão é o líder quando estamos falando de alimentos marinhos que contribuem para o aumento do colesterol. Ele possui três vezes mais gordura que o salmão, que além de ser pouco gorduroso, é carregado de ômega-3.

Manteiga por margarina

Entre esses dois alimentos, a margarina é mais indicada pois não possui gordura animal e colesterol. Ela ainda possui fitosteróis, que ajudam a expulsar o colesterol do corpo através das fezes.

Suco de laranja por suco de uva

Apesar do suco de laranja ser muito indicado por causa de sua vitamina C, quando o assunto é colesterol, o suco ideal é o de uva (quando feito com casca!). A casca da uva possui resveratrol, um componente importante para manter a saúde do coração. Além de reduzir o colesterol, ele possui efeito antioxidante, fazendo com que as partículas de LDL não oxidem e nem grudem na parede dos vasos sanguíneos.

Cebola comum por cebola roxa

Alimentos com a pigmentação roxa possuem antocianina, que aplaca o colesterol. Eles reduzem consideravelmente o nível de gordura no sangue, por isso a troca é indicada. Essa regra também vale para o alface comum e alface roxo. A antocianina inibe uma enzima existente em nosso organismo que participa da síntese de colesterol no fígado e também aumenta a eliminação da gordura do organismo.

Chocolate ao leite por chocolate amargo

O chocolate amargo possui uma quantia menor de gorduras saturadas quando comparado aos chocolates ao leite e branco. Ele ainda fornece catequinas, substâncias que ajudam a impedir a oxidação do LDL.

Além dessas trocas, existem mais alguns alimentos que são importantes para a alimentação de quem possui colesterol alto: aveia, alcachofra, canela, soja, açaí, pão integral, azeite de oliva, frutas, alho, ervas aromáticas, entre outros.

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais