Conheça a futura “cidade flutuante” projetada pela ONU

A ideia é resolver o problema gerado por mudanças climáticas ao redor do mundo.

As mudanças climáticas que tem acontecido em nosso planeta ao longo dos últimos anos já mostraram que muitas cidades irão desaparecer do mapa no futuro – algumas delas em um futuro próximo. O avanço do mar como consequência do derretimento das geleiras é um dos principais responsáveis por essas “mudanças radicais” que muitas cidades sofrerão.

Pensando em uma solução para realocar moradores dessas cidades, a ONU (Organização das Nações Unidas) desenvolveu um conceito de cidades flutuantes. O projeto dessa nova forma de habitação, que parece 'coisa de filme', foi desenvolvido pelo Centro de Engenharia Oceânica do Instituto de Tecnologia de Massachussets (MIT), pela empresa de arquitetura BIG e pela organização OCEANIX. A cidade, batizada de OCEANIX City, tem capacidade para uma população de 10 mil pessoas.

Foto: Site Oceanix CityCidade Flutuante
A Oceanix City ainda não tem data nem local para ser implantada.

A cidade é, supostamente, a prova de inundações e pode resistir a fortes tempestades. Por ser flutuante, ela pode ser “desmontada” e realocada para locais mais seguros, caso seja necessário.

O projeto ainda prevê que o meio ambiente e a vida marinha não sejam afetados com a construção das cidades flutuantes, fazendo com quem ambos existam em harmonia.  Recifes flutuantes serão implantados abaixo das plataformas, abrigando algas marinhas, ostras, mexilhões e outros animais, contribuindo para a limpeza da água e acelerando a regeneração desse ecossistema.

Foto: Site Oceanix CityCidade Flutuante
A vida marinha não sofreria impactos com a implantação das cidades flutuantes.

Um dos principais desafios do projeto é desenvolver uma forma da cidade flutuante produzir energia, água potável e alimentos, de forma sustentável. A cidade, com casas e prédios comerciais, seria construída sobre plataformas flutuantes interligadas. Para ir da costa até a cidade flutuante seriam desenvolvidos veículos elétricos semelhantes a cápsulas.

Foto: Site Oceanix CityCidade Flutuante
Veículos em forma de cápsulas serão usados para o transporte dos moradores e visitantes.

Inicialmente, a cidade começaria como um bairro de cerca de 300 moradores, e se desenvolveria até comportar 10 mil habitantes. O objetivo é que o projeto possa ser expandido e seja acessível para todas as áreas costeiras do planeta que necessitem dele, de forma que não beneficie apenas pessoas ricas.

Apesar da importância do projeto, ele ainda não tem data para ser implantado e nem local exato definido.

Confira também: Qual a cidade mais antiga do mundo?

Confira também: Qual a menor cidade do Brasil?

Conheça também: A cidade azul

Foto: Site Oceanix CityCidade Flutuante

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais