Como o xadrez salvou a vida de Ossip Bernstein?

Tudo aconteceu durante a Revolução Russa, quando os nobres deveriam ser eliminados.

O xadrez é um esporte que exige muita concentração e paciência. O jogo surgiu no século VI, na Índia, mas, era chamado de Chaturanga. Apesar de não ser uma das atividades mais populares, ele possui uma grande importância, principalmente na história do ucraniano Ossip Bernstein.

Foto: Jan Vasek/PixabayGraças ao xadrez, Ossip Bernstein escapou de ser morto.
Graças ao xadrez, Ossip Bernstein escapou de ser morto.

Tudo aconteceu durante a Revolução Russa. O Partido Operário Social-Democrata Russo assumiu o poder após derrubar o czarismo e passou a perseguir a nobreza, tendo no poder um grupo denominado bolcheviques. O enxadrista Bernstein estava na lista de pessoas que deveriam ser presas e mortas, por trabalhar para banqueiros.

Para tentar se salvar, ele fugiu para Paris, mas acabou sendo preso pela polícia secreta bolcheviques durante uma viagem para Odessa, na Crimeia. Enquanto esperava para ser morto em um fuzilamento, um oficial reconheceu seu nome na lista de presos e o desafiou para uma partida de xadrez.

O jogador ganhou do militar facilmente e, como prêmio, ganhou sua liberdade (e sua vida) novamente. Em contrapartida, ele perdeu todo seu patrimônio.

Quem foi Ossip Bernstein

O enxadrista Ossip Bernstein nasceu na Ucrânia em 1882. De família judia, aos 19 anos ele iniciou a faculdade de direito e também passou a praticar xadrez. Em 1902, sua coragem o deixou famoso, quando aceitou jogar de olhos vendados contra Harry Pillsbury, um dos melhores atletas norte-americanos da época. Obviamente, ele perdeu, mas sua ousadia foi reconhecida.

No mesmo ano, uma federação de xadrez alemã deu a ele o título de mestre, após uma sequência de vitórias. Entre os anos de 1904 e 1906, ele foi considerado o 9º melhor jogador da modalidade esportiva.

Foto: Reprodução InternetOssip Bernstein foi um enxadrista e advogado ucraniano.
Ossip Bernstein foi um enxadrista e advogado ucraniano.

Depois de formado, ele passou a trabalhar como advogado financeiro em Moscou, mas manteve sua carreira no xadrez. Nessa época, ele casou-se e teve dois filhos.

Após de ser preso e escapar da morte pela primeira vez, o enxadrista foi para Paris, onde recomeçou sua vida e recuperou-se financeiramente. Porém, com a invasão de Hitler ao país em 1940, ele precisou se mudar por ser judeu.

Juntamente com sua família, Bernstein fugiu para a Espanha, porém, ao chegar no país, teve um ataque cardíaco que o deixou inconsciente por algum tempo. Sem conseguir explicar a situação, a família foi separada e presa. Após a recuperação do advogado, conhecidos de influência conseguiram que sua esposa e filhos fossem soltos e se juntassem a ele novamente.

Em 1945, eles voltaram a morar em Paris, onde seu trabalho e carreira no esporte foram retomados. Em alguns campeonatos internacionais, Ossip jogou representando a França.

Após alguns meses, ele disputaria um torneio de xadrez em Moscou, mas sofreu outra parada cardíaca durante a viagem. Ele sobreviveu, porém, morreu alguns meses depois.

Descubra também: Quem foi o homem que salvou 1.200 judeus do Holocausto?

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais