Como o petróleo se forma?

O petróleo leva milhares de anos para se tornar o líquido escuro que conhecemos. Ele é resultado da decomposição de diversos indivíduos e é encontrado embaixo de muitas camadas de terra.

O petróleo é um composto, formado por materiais orgânicos.  Ele é uma substância espessa, escura, oleosa e altamente inflamável. Ele é encontrado na natureza e utilizado para a fabricação de combustíveis, fertilizantes, plásticos, tintas, entre outros materiais.

Em seu estado bruto, o petróleo é chamado de crude. Ele se forma através da morte de organismos ricos em carbono, que vivam a milhares de anos em lagos, mares e oceanos (animais e plantas). Após a morte desses organismos, seus restos ficam comprimidos junto com argila, silte e areia, em um ambiente praticamente sem oxigênio, durante milhares de anos.

Para que essa matéria se transforme em petróleo, é necessário que o ambiente tenha uma temperatura entre 65 e 75 graus. Para que essa temperatura seja possível, os sedimentos precisam ser cobertos por diversas camadas de outros sedimentos, aproximando cada vez do centro da Terra o material que se transformará em petróleo.

A pressão e o calor dão origem aos hidrocarbonetos, que provocam reações químicas nos sedimentos. Depois de formado, o crude infiltra-se em rochas porosas, buscando lugares com menos pressão, até encontrar alguma rocha não porosa que o impeça de continuar seu trajeto.

A formação do petróleo é constituída pelos seguintes elementos: carbono (83% a 87%), hidrogênio (10% a 14%), azoto (0,1% a 2%), oxigênio (0,1% a 1,5%), enxofre (0,5% a 6%) e metais (inferior a 0,1%).

Foto: Reprodução internetPetróleo

Para fazer a extração do petróleo acontecem em 3 processos: prospecção, perfuração e extração. A fase da prospecção é a parte das buscas por áreas que contenham o crude. Todos os processos são altamente tecnológicos, principalmente quando feitos nos mares e oceanos.

 Geralmente, ele é encontrado a uma profundidade que vai de 1.400 a 2.100 metros abaixo do nível do mar Em alguns casos, a extração pode acontecer a uma profundidade de 9 mil metros abaixo do nível do mar. Quando uma área com petróleo é localizada, o local é isolado e é iniciado o processo de perfuração. Através de uma sonda e de brocas, as rochas que cobrem a camada petrolífera são perfuradas. Esse processo pode levar meses. Quando o petróleo é encontrado, ele é puxado para as plataformas de petróleo e preparado para ser vendido.

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais