Como era a Catedral de Notre-Dame, em Paris?

O ponto turístico mais visitado de toda a Europa está destruído após um grande incêndio.

O dia 15 de abril de 2019 está marcado como um dia triste para a história de Paris e de toda a França. Com pouco mais de 850 anos de existência, a Catedral de Notre-Dame, considerada Patrimônio da Humanidade, foi destruída por um incêndio, restando apenas a estrutura da construção. O local era o ponto turístico mais visitados da cidade, juntamente com a famosa Torre Eiffel, recebendo uma média de 13 milhões de turistas todos os anos. O local há havia sofrido um incêndio em 1871, mas sua construção resistiu.

Foto: Reprodução InternetCatedral de Notre-Dame
A Catedral de Notre-Dame era o ponto turístico mais visitado de toda a Europa. 

A Catedral começou a ser construída em 1163 e demorou aproximadamente anos para ser concluída. Com uma beleza ímpar, em suas amplas janelas existiam cerca de 200 vitrais coloridos e em seu interior podiam ser encontradas diversas estátuas, como a de Joana d’Arc. Sua arquitetura continha muitos detalhes e “painéis” representando momento, como o do Julgamento Final, por exemplo. Devido ao estilo de sua construção, suas colunas eram altas e seus arcos capazes de suportar o telhado, que era bastante pesado. Os nove sinos existentes na Catedral também eram outro marco importante do local.

O acervo existente no local era riquíssimo em termos de arte. Um órgão do século XVII ficava no local ainda em funcionamento. Pinturas e gravuras que contam a história da catedral e de Paris também pertenciam ao local.

Construída em estilo gótico, ela foi dedicada à Maria, mãe de Jesus, e se tornou palco de importantes momentos históricos: o depósito das santas relíquias pelo rei Luís IX, em 1329, a coroação de Napoleão Bonaparte em 1804, primeiro imperador dos franceses e a beatificação de Joana d’Arc, padroeira da França.

Além de guardar muita história ao longo de seus anos, ela ainda foi fonte de inspiração para o escritor Victor Hugo, autor do clássico “O Corcunda de Notre-Dame”. Posteriormente, o livro foi adaptado para o cinema e teatro.

Localizada na praça Parvis, sua entrada para visitação do público era gratuita durante todos os dias do ano. No local ainda possuía missas diárias, com capacidade para até 9 mil pessoas. Os concertos musicais também faziam parte da programação, podendo ser eles gratuitos ou pagos.

Confira também: O que existia no acervo do Museu Nacional?

Veja abaixo algumas fotos da Catedral de Notre-Dame antes do incêndio:

Foto: Blog Bem In ParisCatedral de Notre-Dame
Foto: Blog Bem In ParisCatedral de Notre-Dame
Foto: Blog Bem In ParisCatedral de Notre-Dame
Foto: Blog Bem In ParisCatedral de Notre-Dame
Foto: Blog Bem In ParisCatedral de Notre-Dame
Foto: Blog Bem In ParisCatedral de Notre-Dame
Foto: Vou na JanelaCatedral de Notre-Dame

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais