Cinco lugares de tirar o fôlego para conhecer em Goiás

Para quem gosta do contato com a natureza, Goiás é um estado com uma grande quantia de destinos turísticos perfeitos.

Goiás é um dos 26 estados do Brasil. Localizado no centro-oeste do país, ele possui muitos atrativos turísticos, assim como as demais regiões brasileiras. Para quem gosta do contato com a natureza, o local é o destino turístico perfeito.

Para ajudar os viajantes, o Dr. Curioso escolheu cinco pontos turísticos de Goiás. Confira!

1)    Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros

Provavelmente, é o local que mais atrai turistas no estado. O local é uma unidade de conservação brasileira de proteção à natureza, com pouco mais de 240 mil hectares. Ele foi criado em 1961 e, em 2001, se tornou Patrimônio Mundial pela UNESCO.

No parque é possível encontrar vários rios, cachoeiras, trilhas, uma ampla variação de espécies de animais e plantas, canyons, piscinas naturais e lagos com águas termais. Além disso, as paisagens formam lindos cenários para fotos.

O acesso ao parque é feito através do Povoado de São Jorge. Os turistas que desejarem, podem contratar um guia turístico para fazer o roteiro e direcionar o passeio.

Foto: Reprodução InternetParque Nacional da Chapada dos Veadeiros
O Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros é o ponto turístico mais famoso de Goiás.

2)    Vale da Lua

Fica na cidade de Alto Paraíso de Goiás, próximo à Chapada dos Veadeiros. Trata-se de um conjunto de rochas esculpidas pelas corredeiras do rio São Miguel, que lembra a superfície da lua (por isso o nome).

O acesso ao local é pago e é feito pela rodovia GO-239, entrando em uma estrada de terra. Durante o período de chuva, o Vale da Lua se torna perigoso, pois trombas d’água são comuns de acontecer.

Para ir até o local, é preciso andar por uma trilha de aproximadamente 600 metros. Apesar da entrada ser paga, não é necessário a contratação de um guia turístico.

Foto: WikipédiaVale da Lua
O Vale da Lua possui esse nome porque a formação rochosa lembra a superfície lunar.

3)    Cachoeira Santa Bárbara

Localizada na cidade de Cavalcante, a cachoeira de Santa Bárbara encanta os turistas por causa de suas águas em tom azul claro. Ela possui 30 metros de altura e é acessada por uma trilha de aproximadamente 1,5 km.

Para visitar o local, é preciso pagar uma taxa e também contratar um guia turístico. Antes de chegar ao destino, os visitantes passam pela Cachoeira Santa Barbarinha, uma versão menor da Cachoeira Santa Bárbara. Nas proximidades também ficam as cachoeiras da Capivara e Candaru.

O acesso para a cachoeira é feito pela rodovia GO-241, indo até o Povoado Kalunga Engenho II. No Centro de Atendimento ao Turista, é necessário fazer a contratação do guia.

Foto: Reprodução Viagem e TurismoCachoeira de Santa Bárbara
A Cachoeira de Santa Bárbara possui águas cristalinas e uma beleza encantadora.

4)    Parque Estadual Terra Ronca

Criado em julho de 1989, o parque está situado no município de São Domingos e possui 57 mil hectares. O lugar tem como objetivo preservar a fauna e a flora, cavidades naturais subterrâneas e também proteger os sítios naturais existentes no perímetro do local.

As grutas e cavernas existentes no Parque Estadual Terra Ronca são o grande destaque desse atrativo turístico. Algumas delas possuem 60 milhões de anos e também pinturas rupestres feitas há cerca de 10 mil anos.

A maior das cavernas possui 90 metros de altura e, no parque ainda estão as 30 maiores cavidades do Brasil. Muitas delas abrigam lagos, onde é possível mergulhar.

Foto: Reprodução Curta MaisParque Estadual Terra Ronca
O Parque Estadual Terra Ronca abriga milhares de cavernas, sendo algumas delas as maiores do Brasil.

5)    Catarata dos Couros

É um dos locais mais preservados e com menor movimento turístico, pois não é tão conhecido como os demais. A Catarata dos Couros fica em Alto Paraíso de Goiás e, apesar do acesso não ser complicado, a falta de sinalização faz com que seja necessário o auxílio de um GPS. Para chegar ao local, a rota é pela rodovia GO-118.

Depois de seguir por uma estrada de terra, para ir até as quedas d’água, os viajantes precisam caminhar por uma trilha de aproximadamente 3 km. Apesar de não ser obrigatório, é recomendado que os turistas façam a contratação de um guia turístico.

Ao longo da trilha, os visitantes encontram diversos pontos para banho, porém, os dois principais são a Cachoeira da Muralha e a Cachoeira Almécegas 1000. No fim da caminhada, ainda há um mirante com uma paisagem deslumbrante.

Conheça o Lago de Furnas, uma das belas paisagens de Minas Gerais

Aprenda também: O que é um Patrimônio da Humanidade?

Foto: Casal de MochilãoCataratas dos Couros
A Catarata dos Couros possui diversos pontos para banho e é acessada por uma trilha.

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais