As 10 estradas mais longas do Brasil

Devido a sua grande extensão territorial, o Brasil acaba sendo um dos países com mais estradas (curtas e longas) do mundo.

Ah, as estradas! O que seria de nós sem elas? Elas ligam cidades, estados e até países. Elas são o caminho por onde passam diversos produtos que usamos diariamente, e também por onde nós passamos quando estamos a caminho de conhecer novos lugar ou reencontrar pessoas que amamos.

Devido a sua grande extensão territorial, o Brasil acaba sendo um dos países com mais estradas (pequenas e longas) do mundo. O Dr. Curioso traz hoje as 10 maiores estradas do país.

1 – BR-116: Inaugurada em 1933, ela além de ser a maior estrada brasileira, é a maior estrada pavimentada do país. Apelidada de Rodovia da Morte, por ser uma das mais perigosas, ela tem início em Fortaleza, no Ceará, e vai até Jaguarão, no Rio Grande do Sul. Ela passa pelos estados de Pernambuco, Sergipe, Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Santa Catarina. Ela é muito popular por fazer um trajeto serrano, o que resulta em pontos lindíssimos da natureza para serem admirados pelos viajantes.

2 – BR-101: A segunda maior estrada do Brasil possui 4.482 km e passa por praticamente toda região litorânea do país. Ela começa em Touros, no Rio Grande do Norte, e vai até Rio Grande, no Rio Grande do Sul. Em seus mais de 4 mil quilômetros ela segue pelos estados de Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Santa Catarina. A construção dessa rodovia começou em 1957, grande parte dela realizada pelo Exército Brasileiro.

3 – BR-364: Inaugurada em 1960, essa rodovia inicia na cidade de Limeira, em São Paulo, passando por Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Rondônia, e terminando em Mâncio Lima, no Acre. Antes da construção dessa estrada, o acesso a capital de Rondônia, Porto Velho, só podia ser feito por meio de balsa ou trem. Assim como as BRs 158 e 163, ela é uma das principais rodovias do interior brasileiro.

4 – BR-230: Chamada também de Transamazônica, essa estrada possui 4.309 km. Ela foi inaugurada em 1972, durante o Regime Militar. Iniciando em Cabedelo, na Paraíba, ela vai até a cidade de Lábrea, no Amazonas. Ela passa pelos estados Ceará, Piauí, Maranhão, Tocantins e Pará. Apesar da sua grande extensão, metade dela não é pavimentada. De acordo com o projeto original, ela seria a maior rodovia do país, indo até Benjamin Constant, no Acre, porém, o projeto ficou apenas no papel.

5 – BR-163: Começando em Tenente Portela, no Rio Grande do Sul e terminando na cidade de Santarém, no Pará, ela possui uma extensão de 4.057 quilômetros. Essa rodovia corta os estados de Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. No estado do Pará, a maior parte desta rodovia não é pavimentada, apesar de ser por ela que a maior parte do que é produzido no estado é escoado para o resto do país.

6 – BR-153: Com 3.542 km, essa BR, também chamada de Transbrasiliana, passa por oito estados diferentes. Em alguns pontos ela recebe o nome de Belém-Brasilia e Bernardo Sayão. Ela inicia em Marabá, no Pará, percorrendo os estados de Tocantins, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Santa Catarina, e terminando na cidade de Aceguá, no Rio Grande do Sul. Sua inauguração aconteceu no ano de 1959.

7 – BR-158: Essa rodovia, que possui extensão total de 3.470 quilômetros, inicia em Redenção, no Pará, e vai até Santana do Livramento, no Rio Grande do Sul. Ela ainda passa pelos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Paraná e Santa Catarina. Ao contrário da maioria das rodovias do Brasil, esta não passar por nenhuma capital nos estados em que ela está presente.

8 – BR-174: A oitava maior estrada brasileira é a única que liga, de maneira terrestre, o Brasil a Venezuela, e possui 2.888 km. Ela começa em Cárceres, no Mato Grosso, passa pelos estados de Rondônia e Amazonas e termina na cidade de Pacaraima, em Roraima. Inaugurada em 1998, ela também é chamada de Manaus-Boa Vista. Em um trecho de 47 km, entre Roraima e o Amazonas, ela passa por dentro da reserva indígena Waimiri-Atroarí e fica fechada para trânsito das 18h às 6h.

9 – BR-135: Essa estrada, que inicia em São Luís, no Maranhão, e vai até Belo Horizonte, em Minas Gerais, possui 2.529 quilômetros de extensão. Ela passa ainda pelos estados de Piauí e Bahia. Parte da rodovia não é pavimentada, muitas vezes parecendo ter sido esquecida por parte do Governo Federal. Essa rodovia possui um mascote: o tatu-bola. Ele é um animal típico da região.

10 – BR-262: Com 2.191 km, a BR-262 começa em Vitória, no Espírito Santo, e vai até Corumbá, no Mato Grosso do Sul. Em seu caminho, ela percorre, além dos dois estados já citados, os estados de Minas Gerais e São Paulo.

Foto: G1.comestradas

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais