10 curiosidades sobre a história do relógio

Veja algumas curiosidades envolvendo a história do relógio, item indispensável para os seres humanos hoje.

Relógio mais antigo

O relógio mais antigo que se tem conhecimento é o gnômon, que nada mais era do que uma vara cravada no chão, que tinha a luz do dia como referência. Esse mecanismo criado por volta do ano 3500 a.C. e depois, aproximadamente no ano 1500 a.C. ele se transformou no relógio solar.

Relógio à noite

Por volta do ano 1300 a.C. os egípcios desenvolveram uma forma de medir o tempo durante a noite, através da água. Surge então o relógio de água, também chamado de clepsidra. Ele consistia em dois recipientes, onde a água escorria de um recipiente para o outro. Marcações eram feitas na parte interna e através delas era possível ter noção do tempo.

Primeiro relógio portátil

O primeiro relógio portátil foi criado em 1500 por Peter Henlein, na cidade de Nuremberg, Alemanha. Nessa época, os relógios mecânicos já existiam. Usando uma pequena mola como fonte de energia para as engrenagens, foi possível criar um pequeno relógio. Porém, ele não era muito eficiente em sua função, pois não possuía ponteiro.

Despertador

O despertador foi criado no ano de 1559 pelo engenheiro Taqi al-Din, no Império Otomano. Porém, ele só foi patenteado oficialmente em 1876, nos EUA. O mecanismo consistia em emitir um ruído alto e irritante, para que a pessoa despertasse. Com o passar dos anos, os despertadores foram se modernizando e acrescentando funções, como o modo soneca, intervalo, etc.

Ciência das horas

O tempo é algo tão importante em nossas vidas que existe uma ciência exclusiva para estuda-lo. É a horologia. Ela estuda as unidades de contagem de tempo, evolução dos relógios, técnicas de montagem, etc.

Relógio do Juízo Final

Essa invenção foi feita em 1947 e se tornou capa do Boletim de Cientístas Atômicos, da Universidade de Chicago. Ele analisa o risco de uma hecatombe global. Quanto pior é a situação, mais próximo ao 12 o ponteiro fica.        

Menor e maior relógio

O menor relógio do mundo tem apenas 2 milímetros quadrados e precisa que a pessoa use uma lente de aumento para visualizar a hora. Ele foi criado em 2006, na Universidade Texas Tech, nos EUA. O minúsculo relógio serviu para demonstrar as possibilidades da nanotecnologia. Já o maior relógio existente possui 43 metros de diâmetro e fica em Meca, na Arábia Saudita, fixado em uma torre de 400 metros de altura. O equipamento pode ser visto há 30 km de distância e possui 20 mil lâmpadas LED para iluminá-lo.

Relógio-bússola

Os relógios analógicos podem ser usados como bússola. Para funcionar, a marca de 12 horas deve ser apontada para o sol e você deve pensar em uma linha imaginária que divida em duas partes iguais o ângulo formado entre o ponteiro das horas e o meio dia, para então achar o norte.

Super-relógios

Hoje em dia, com toda tecnologia disponível, os relógios possuem funções que vão muito além de marcar a hora. Empresas de tecnologia tem desenvolvido os smartwatches – relógio inteligente, em português –, capazes de rodar softwares e acessar a internet.

Dia com 24 horas

O dia é dividido em 24h e as horas em 60 minutos por causa do sistema numérico dos povos antigos. Atualmente, usamos o sistema decimal, baseado no número 10, mas na antiguidade, o número base era o 12 e no sexagesimal, baseado no 60.

Foto: Reprodução InternetRelógio

Se encontrar algum erro ou tiver alguma sugestão de curiosidade, entre em contato através da nossa fanpage no Facebook

FONTE: Dr. Curioso

Compartilhe este artigo:

Veja mais